Quando a criança completa seis meses, muitas mudanças podem ser observadas: seu bebê já está muito esperto, pega tudo o que vê pela frente, leva tudo à boca, sustenta bem a cabecinha, senta, se arrasta pela casa toda, já está comendo frutinhas e geralmente é a fase que inicia a estadia na creche.

Quantas mudanças!

E ainda é exatamente nesta época que a gengiva da criança começa apresentar certas características diferentes. É o primeiro dentinho que está nascendo! Observamos a parte ântero inferior da gengiva mais espessa, inchadinha. 


Cada dente que nasce é responsável pelo desenvolvimento muscular, ósseo e oclusal de seu bebê. É como um quebra cabeça, onde cada peça colocada vai formando uma figura perfeita. Se faltarem algumas peças, você pode ter dificuldade na definição da imagem final.

Veja a ordem do nascimento dos dentinhos decíduos (os dentes de leite):


Um bom acompanhamento, os cuidados com a higienização e alimentação garantem que os “dentinhos de leite” cumpram sua missão até o fim sem causar qualquer problema mais grave em nossas crianças e depois, no tempo certo, inicia a troca dos dentes decíduos pelos dentes permanentes.

As crianças ficam ansiosas pela  primeira janelinha! Explique para seu filho que todos os seus 20 “dentinhos de leite” serão trocados, que isso é um sinal que já está grandinho, que precisa cuidar muito bem dos dentinhos novos.

Primeira janelinha de José Marcos.

Não abra mão da escovação após as refeições, nunca deixe seu filho dormir sem escovar os dentes, use o fio dental todos os dias e controle o consumo de alimentos ricos em açúcar, porque os dentes permanentes deverão acompanhar seus filhos durante toda a vida.

Gosto de incentivar a família a passar por este momento em que se remove o primeiro dentinho juntos. Mesmo que vocês não consigam fazê-lo em casa, porque está retido, ou porque os pais se sentem apreensivos, ou qualquer outro motivo, é legal irem todos ao consultório odontológico como quem vai a um evento muito importante. Afinal, agora seu filho terá seu primeiro “dente de adulto”!

Veja a ordem do nascimento dos dentes permanentes:



Os pais acham lindo seus filhos com janelinha, mas quando nasce o primeiro dentinho permanente sempre se queixam da cor: Porque o dente do meu filho está amarelo, doutora? Essa é uma pergunta recorrente.

Na verdade o decíduo  tem o apelido de dente de leite porque é mais branquinho, então quando nascem os primeiros dentes permanentes o contraste é muito grande. Geralmente quando completa a troca dos dentes tudo passa, a cor fica mais harmônica e não incomoda mais.

Na mesma época que a criança começa a trocar os dentinhos anteriores, começa também a nascer quatro “dentões” permanentes atrás do último dente decíduo, um de cada lado, na parte superior e inferior. Neste caso não acontece a troca do decíduo pelo permanente. Os primeiros molares permanentes nascem sozinhos e precisam de muita atenção, porque seu nascimento é dolorido, incômodo e sua posição pouco favorável.

Nesta fase, quando você abre a boca de seu filho, geralmente você vê dente amarelo, buraquinho da cárie na panelinha lá do fundo, dente mole e torto. Já o odontopediatra vê o desenvolvimento muscular, esquelético, oclusão, acúmulo do biofilme dental, doenças bucais, descalcificação desde estágios iniciais até mais avançados e um mundo de outras coisas, sempre pensando no melhor para o seu filho!

É por isso que as consultas com o odontopediatra são de extrema importância.